,

A interpretação do Regulamento pela linhagem de Domingo Delgado

“A águia Aura Negra se compõe de quarenta e oito grandes bandas de emanações. Uma grande banda emana consciências orgânicas. Sete grandes bandas emanam consciências inorgânicas. Quarenta grandes bandas emanam estruturas ou formas, veículos funcionais das consciências. A primeira atenção é a grande banda que emana consciências orgânicas, e é a primeira porque a águia Aura Negra fixa nela sua atenção. A segunda atenção está formada pelas sete grandes bandas que emanam consciências inorgânicas. A águia Aura Negra fixa com menos firmeza a sua atenção nelas. A terceira atenção são as quarenta grandes bandas de emanações estruturais. A águia Aura Negra praticamente não fixa a sua atenção nelas, já que não abrigam consciências que a alimentem. Os perceptores descobriram que passando a existir na terceira atenção podiam perpetuar suas consciências individuais eternamente, ou enquanto a águia existir, já que não seriam desintegradas pela serpente. Ali elas ensonham, criando microuniversos onde existem, e perpetuam a consciência do grande ser.

O nagual de cinco pontas é aquele que pode guiar seu grupo pessoal (metade carbônico, metade silícico, pois as contrapartes dos seus guerreiros são os emissários dos sonhos) para a quarta e quinta atenções.Ele também pode se tornar o gameta que fará a reprodução da águia.

Domingo Delgado fala que o ponto de alinhamento fica no lado direito do casulo, mas joga com as palavras quando diz (no segundo parágrafo depois desse) que o nagual de três pontas tem dois pontos de encaixe, o de quatro pontas tem três, e o de cinco, cinco.

O ponto de alinhamento fica no lado direito, e há outro ponto de encaixe no lado esquerdo do casulo mais simples: o homem comum tem dois pontos de encaixe. Logicamente, mas de uma forma velada (porque só um dos pontos é revelado): o nagual de três pontas tem três pontos de encaixe, o nagual de quatro pontas tem quatro pontos de aglutinação, e o nagual de cinco pontas tem cinco pontos de aglutinação ou encaixe.

Então, todos são naguais, para si mesmos: todos têm no mínimo dois pontos de encaixe, um para o lado direito (alinhamento) e outro para o lado esquerdo (aglutinação).

O nagual de duas pontas só pode guiar a si mesmo, mas pode fazê-lo, para a segunda e a terceira atenções. O nagual de três pontas só pode guiar a si mesmo também, mas ele é o mega benfeitor, aquele que mostra o mundo do nagual para comunidades inteiras, multiplicando as linhas e as oportunidades. O nagual de quatro pontas é aquele que pode guiar um grupo pessoal para a segunda e a terceira atenções. Na terceira atenção eles se tornarão um ponto de encaixe da águia, podendo alinhar qualquer uma das suas emanações, a seu benefício (do ponto e do casulo gigante).

O conhecido é a primeira atenção, o desconhecido são a segunda e terceira atenções, pois não conhecemos, mas podemos conhecer. A quinta e a quarta são o incognoscível. A segunda é meio conhecida, pois a visitamos todo dia (pelo menos, nos sonhos). O incognoscível foge de qualquer possibilidade humana (mas pode ser acessado pelos naguais que vão além do humano): segundo Domingo e sua tradição, chama-se Aztlania, e é a origem de Cero (este é o artigo Um da sua complexa e pluridimensinal regra do nagual de cinco pontas).”

(Luis Carlos de Morais Junior, Carlos Castañeda e a Fresta entre os Mundos)
(Compartilhado por Arpelau)

1 responder
  1. Jeremy Christopher
    Jeremy Christopher says:

    Deu pra entender melhor a interpretação dessa linhagem agora. Não é que haja de fato uma 4a e 5a atenções no modelo que o nagual Juan Matus apresentou. É um sistema fechado em 3 partes onde o incognoscível já é a 3a. Que nesse modelo da tradição do Domingo equivale à Aztlania. Mas é possível refletir modelos em 4, 5, 6, 7 e quantas partes quisermos.
    As informações sobre os naguais de 2, 3 e 4 pontas batem com parte do que vejo no conhecimento silencioso. Bem legal, graças por compartilhar. Isso de 3 e 4 pontos de aglutinação, não é literalmente assim, temos só um ponto de aglutinação, e ele pode se perceber em mais de um lugar ao mesmo tempo, já que temos mais de um compartimento. Não tinha me ocorrido que possa ser possível ele se desdobrar em quatro, mas em teoria pode ser mesmo.

    Responder

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *