P: Tenho vivido como uma guerreira há algum tempo e seguido as recomendações de dom Juan, e acredito que meus esforços valeram a pena e que minha vida está muito mais equilibrada. Mas nos últimos tempos, ao invés de me sentir mais equilibrada e silenciosa, tenho me sentido ansiosa e agitada. O que estou fazendo de errado?

R: Nada de errado, é exatamente assim que funciona e é um bom sinal.
Nosso limite de energia atual é determinado pelos nossos próprios bloqueios simultaneamente emocionais-mentais-físicos.
Quando vivemos com a energia gasta, vivemos exaustos, inconscientes, mas confortáveis dentro dos nossos limites.
Quando a energia se acumula, ela vai de encontro às nossas tensões/bloqueios, evidenciando a existência deles.
Essa ansiedade é só um sintoma de acúmulo de energia,
e o indício de que a energia está pressionando o bloqueio.
A resposta automática é querer gastar a energia para aliviar a tensão, o que não é inteligente pois apenas leva a um ciclo sem fim de acumular e gastar sem sair do lugar, que é todo o objetivo da nossa sociedade insana: drenar a nossa energia e nos manter no mesmo lugar.
Como guerreira, o caminho é seguir acumulando energia e não fugir dessa dor e pressão, e até mesmo mantê-la voluntariamente na consciência até aceitá-la, até o clique, até o desatar do nó e o abandono da crença que causava este bloqueio.
Aí sim se segue um alívio e paz que é acompanhado de um verdadeiro aumento de relaxamento, de poder de atenção e de bem estar.
Apenas claro até que a energia acumulada chegue ao novo limite e ative algum outro bloqueio.

(Jeremy Christopher)

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *