“Explicou a Don Juan que espreitar era uma arte aplicável a tudo, e que havia quatro passos para aprendê-la: implacabilidade, esperteza, paciência e doçura.
Senti-me compelido a interromper seu relato mais uma vez. – Mas a espreita não é ensinada em profunda consciência intensificada? – perguntei.
– É claro – replicou com um sorriso. – Mas você pode compreender que para alguns homens usar roupas de mulhe­res é a porta para a consciência intensificada. Com efeito, tais meios são mais efetivos que empurrar o ponto de aglutinação, mas são muito difíceis de arranjar.
Don Juan contou que seu benfeitor afiava-o diariamente nas quatro disposições da espreita e insistia que Don Juan com­preendesse que implacabilidade não deveria ser rudeza, esper­teza não deveria ser crueldade, paciência não deveria ser negligência e doçura não deveria ser tolice.”

(O Poder do Silêncio, Carlos Castañeda)

0 respostas

Deixe uma resposta

Want to join the discussion?
Feel free to contribute!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *